29/08/2018

Apple quer revolucionar interface de iPhones em 2019 com tecnologia presente no Lumia McLaren


Em 2014 a divisão de smartphones da Nokia já havia sido adquirida oficialmente pela própria Microsoft e isso provavelmente resultou no cancelamento não apenas do Lumia que poderia ser o precursor da era de smartphones "sem bordas" que estamos vivendo atualmente, como também o cancelamento do incrível Lumia 1030, ou Lumia McLaren como ficou extremamente conhecido.

O protótipo - que já recebeu vídeo de análise - teria o hardware mais poderoso da época, corpo em alumínio, câmera traseira superior ao Lumia 1020 e chegaria com o incrível recurso 3D Touch.

Em setembro de 2015 a Apple apresentou os novos iPhone 6S ao mundo com um recurso também chamado de 3D Touch que até hoje faz parte de seus aparelhos. Entretanto, apesar do nome, a funcionalidade de ambos os softwares são completamente diferentes: enquanto o 3D Touch da Nokia diz respeito ao usuário utilizar gestos no ar ao redor do smartphone para interagir com o software, o da Apple é limita-se a uma função de pressionar a tela.

Mas parece que o 3D Touch da Apple pode ganhar inspirações do finado Lumia 1030 em 2019!

Segundo informações do site coreano ETNews, a Apple está planejando muitas novidades para os iPhones do ano que vem. Além da câmera tripla, a companhia pode estar pensando em adotar a "revolucionária" interface de gestos flutuantes que estava sendo desenvolvida pela Nokia em 2014 mas que nunca veio a público.

A tecnologia da Apple estaria sendo planejada para elevar a experiência de usabilidade da interface multi-toque dos iPhones e reconheceriam não apenas um, mas dois, três e mais dedos em até 50 mm de distância do smartphone. Sim, sem contato. Mas apenas os gestos realizados entre 30 mm e 50 mm do corpo do aparelho seriam reconhecidos. A medida seria para evitar toques acidentais ou fantasmas.

O site afirma que a Gigante de Cupertino também estaria pensando em realizar melhorias e grandes mudanças na interface do iOS para iPhones de 2019.

Fonte: Tudocelular

 Conecte-se a Rede Brasileira de Cidades Inteligente e Humanas - Acesse-se: www.redebrasileira.org Imprimir