​Ciclovias viram tendência nas cidades

​Ciclovias viram tendência nas cidades



Economia de tempo, de dinheiro, menos stress, mais saúde, bom humor, maior produtividade no trabalho e uma boa forma física.

Quem não gostaria de aliar todos esses fatores em sua vida, não é mesmo? Pois estes são apenas alguns dos benefícios que a adoção da bicicleta como meio de transporte proporciona.

O único ponto contra, infelizmente, é a deficiência das cidades brasileiras em oferecer uma estrutura razoável para os ciclistas, uma realidade que começou a mudar nos últimos anos em alguns dos principais municípios brasileiros e que já está presente em grandes núcleos urbanos, como os projetos Cidade Alpha, feitos pela Alphaville Urbanismo.

A malha cicloviária é valorizada em muitos países, principalmente os mais desenvolvidos. Cidades como Nova York e Berlim possuem cerca de 700 km de ciclovias para atender a população.

Em outros locais como Tóquio e Amsterdam, 25% dos trajetos diários de quem se locomove são feitos de bicicleta. Mas não é preciso ir muito longe para ver como pedalar se tornou uma tendência.

Em Bogotá, capital da Colômbia, houve um amplo programa governamental nas últimas décadas para valorizar o uso tanto do transporte público como de meios sustentáveis. A cidade, então, ganhou mais 360 km de ciclovias.

No Brasil, hoje, existem mais de 60 milhões de bicicletas e diversos municípios do país despertaram para esta tendência apenas nos últimos anos. Entre 2014 e 2017, a malha cicloviária praticamente dobrou nas capitais do país, de 1,4 mil km para 3 mil km. Ciclofaixas e ciclorotas correspondem hoje a quase 3% da malha viária total dos municípios.

O fenômeno é bem visível em algumas localidades, como nos projetos Cidade Alpha, grandes núcleos urbanos planejados com áreas residenciais, comerciais, empresariais e de serviços. Numa Cidade Alpha, os principais trajetos podem ser feitos de bicicleta, especialmente nos setores de uso misto, realçando o modo de vida sustentável de quem mora e trabalha no local.

“Os projetos Cidade Alpha levam em consideração o que há de mais avançado em planejamento urbano, priorizando modais de transporte alternativos, principalmente aqueles que respeitam o meio ambiente, caso das ciclovias. Numa Cidade Alpha, é possível chegar a qualquer lugar de bicicleta com segurança”, explica Marcelo Willer, diretor presidente da Alphaville Urbanismo, empresa que projeta e desenvolve a Cidade Alpha. Willer também é arquiteto e urbanista formado pela Universidade Federal do Paraná.

Atualmente, existem grandes projetos Cidade Alpha no país. Um dos principais é a Cidade Alpha Ceará, com 19 milhões de metros quadrados, que está se desenvolvendo com bastante rapidez. No Nordeste do país também há a Cidade Alpha Pernambuco, no Grande Recife. Já na região Centro-Oeste existem a Cidade Alpha Planalto Central, entre o Distrito Federal e o estado de Goiás e a Cidade Alpha Goiás, próximo a Goiânia. Os projetos foram inspirados no núcleo urbano Alphaville, entre Barueri e Santana do Parnaíba, na Grande São Paulo.

“A Cidade Alpha busca apresentar para os municípios brasileiros um conceito que se adeque melhor às regiões urbanas: cidades inteligentes, sustentáveis e que ofereçam mais qualidade de vida para as pessoas. Neste sentido, a implantação de ciclovias é fundamental”, completa Willer.


Fonte: A crítica





Primeira universidade sem professores é inaugurada no Vale do Silício

Primeira universidade sem professores é inaugurada no Vale do Silício

Curitiba é escolhida capital latina das cidades inteligentes

Curitiba é escolhida capital latina das cidades inteligentes

Há um apetite no Brasil para inovação, diz sócio de maior aceleradora do mundo

Há um apetite no Brasil para inovação, diz sócio de maior aceleradora do mundo

Existem 1195 versões de criptomoedas no mundo: conheça as principais

Existem 1195 versões de criptomoedas no mundo: conheça as principais

Nubank anuncia lançamento de conta-corrente: a NuConta

Nubank anuncia lançamento de conta-corrente: a NuConta

A tecnologia vai permitir o Walmart economizar milhões eliminando caixas

A tecnologia vai permitir o Walmart economizar milhões eliminando caixas

O Shopping Center tradicional está para morrer (e vai nascer algo no lugar)

O Shopping Center tradicional está para morrer (e vai nascer algo no lugar)

Mais um exit no Brasil: Linx compra startup ShopBack por R$ 39 milhões

Mais um exit no Brasil: Linx compra startup ShopBack por R$ 39 milhões

60% dos jovens estão aprendendo profissões que vão deixar de existir

60% dos jovens estão aprendendo profissões que vão deixar de existir

13 startups que estão mudando o varejo no Brasil

13 startups que estão mudando o varejo no Brasil



Paginas ( 1 / 41 ) Próxima