Ferramentas digitais facilitam informações sobre consumo de água

Ferramentas digitais facilitam informações sobre consumo de água



Moradores do Grande ABC que desejam ter controle das contas de água e conseguir informações na palma da mão têm à disposição aplicativos que facilitam o contato com as empresas e a vida por meio da tecnologia.

A Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), que na região é responsável pela água e esgoto de São Bernardo, de Diadema, de Ribeirão Pires e de Rio Grande da Serra, dispõe de ferramenta, assim como o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e o DAE (Departamento de Água e Esgoto) de São Caetano. A Sama (Saneamento Básico do Município de Mauá) é a única ainda a não possuir aplicativo – as informações pertinentes, segundo o poder público, são publicadas via Facebook e site da autarquia.

Em 25 de janeiro deste ano, a Sabesp lançou aplicativo que atende a todo o Estado, facilitando consulta de informações, segunda via, histórico das últimas 12 medições e comunicação de falta d’água, além de alertas sobre vencimentos e notificações sobre consumo acima do normal. De lá para cá já foram 105 mil downloads. É possível também pagar contas.

O aplicativo mais antigo a moradores da região é o do DAE, lançado em março de 2012. De janeiro a novembro do ano passado foram 198 downloads. Entre as funcionalidades está o hidrômetro digital, onde é possível acompanhar gastos diários e controlar despesas. Dicas para se evitar desperdício também estão disponíveis. Para o futuro há ideia sobre adicionar solicitações de segunda via e agendamento de visitas.

“Comecei a usar recentemente para ter controle das contas de casa quando não estou com o notebook. Facilita muito, porque o aplicativo é bem funcional. É muito útil para emergências”, avalia a radialista Amanda Navarro Diniz, 22 anos, que há um mês e meio utiliza a ferramenta.

O Semasa Mobile, lançado no início de junho deste ano, já teve 700 downloads e traz serviços como segunda via de conta, consulta de abastecimento, coleta de resíduos, canais de atendimento, boletins e integração com a página do Facebook, entre outras funcionalidades. Em junho, 167 solicitações de segunda via foram realizadas, enquanto em julho o número saltou para 209, aumento de 25%.

Fonte: tratamentodeagua.com.br




POR QUE CIDADES INTELIGENTES PRECISAM DE ECOSSISTEMAS DE INOVAÇÃO?

POR QUE CIDADES INTELIGENTES PRECISAM DE ECOSSISTEMAS DE INOVAÇÃO?

T-Systems Brasil apresenta sua visão de cidade inteligente

T-Systems Brasil apresenta sua visão de cidade inteligente

Plataforma YouShip: a Uber das encomendas para uma entrega mais eficiente

Plataforma YouShip: a Uber das encomendas para uma entrega mais eficiente

Secretário de Planejamento conhece projeto de “Cidade Inteligente” na França

Secretário de Planejamento conhece projeto de “Cidade Inteligente” na França

O que podemos aprender com as três gerações de Cidades Inteligentes

O que podemos aprender com as três gerações de Cidades Inteligentes

Alibaba compra empresa chinesa para investir em nuvem e internet das coisas

Alibaba compra empresa chinesa para investir em nuvem e internet das coisas

Para avaliar hábitos perigosos no trânsito, seguradora usa app com telemetria

Para avaliar hábitos perigosos no trânsito, seguradora usa app com telemetria

Beacons: Santa Catarina alia o digital à experiência turística

Beacons: Santa Catarina alia o digital à experiência turística

Informa Group patrocina projeto de inclusão social

Informa Group patrocina projeto de inclusão social

A cultura de startup que transformou a NVIDIA em uma gigante do Vale do Silício

A cultura de startup que transformou a NVIDIA em uma gigante do Vale do Silício



Paginas ( 1 / 46 ) Próxima